Voltar Publicada em 30/01/2021 | Ji-Paraná

Em Ji-Paraná, Semusa retoma atendimento de rotina nas UBSs

Serviços serão realizados com 50% da capacidade habitual

 

A Prefeitura de Ji-Paraná, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semusa), retoma, na próxima segunda-feira (1°), os atendimentos de rotina nas unidades básicas de saúde (UBSs) do município.

Os serviços serão realizados com 50% da capacidade habitual, com atendimentos no período matutino, das 7h30 às 11h30. Na parte da tarde, das 13h30 às 17h30, ocorrem as consultas para pacientes sintomáticos respiratórios ou que tiveram contato com pessoas contaminadas pelo novo coronavírus (Covid-19).

“Na parte da manhã, continuamos com o atendimento de rotina habitual, atendendo às pessoas hipertensas, diabéticos, gestantes, entre outros. E, na parte da tarde, é o atendimento aos sintomáticos respiratórios e pacientes que são contato”, explicou a enfermeira responsável pela Atenção Básica da Saúde, Graciella Veras.

As vacinações de rotina também retomam os horários habituais, com atendimento das 7h30 até as 13h30. Os distritos de Nova Colina e Nova Londrina não paralisaram o atendimento de rotina durante a vigência das medidas de isolamento restritivo.

Os atendimentos aos pacientes sintomáticos respiratórios ou contatos serão organizados por ordem de chegada, com 15 vagas por médico. Testes rápidos para detecção da Covid-19 continuam sendo realizados conforme os critérios de elegibilidade.

A UBS do Km-05, no bairro Santiago, não prestará atendimento aos pacientes sintomáticos respiratórios ou contatos, retomando apenas à rotina normal. Os medicamentos para combate à Covid-19 continuam sendo entregues nas Academias Municipais de Saúde, nos bairros Jardim dos Migrantes, no 1° distrito, e BNH, 2° distrito de Ji-Paraná.

A responsável pela Atenção Básica de Saúde de Ji-Paraná, Graciella Veras, orienta para que as pessoas procurem atendimento médico ao apresentar sintomas característicos da Covid-19, como tosse seca, falta de ar, perda de olfato e/ou paladar, coriza e febre.

“Nós queremos orientar aos pacientes, para que eles tenham um pouco de atenção em relação aos sintomas da Covid. Pacientes que apresentarem tosse, febre, falta de ar, dor de cabeça, perda de olfato, perda de paladar, que já procurem atendimento médico nos primeiros sintomas, que não deixem que os sintomas se agravem”, pediu Graciella.

Fonte: Secom

Fotógrafo: Divulgação

Para entrar em nosso Grupo de Notícias do WhatsApp - Facebook - Telegram
CLIQUE UM DOS GRUPOS