Voltar Publicada em 11/08/2020 | Vilhena

NA UTI – Contaminado pela Covid-19, médico de Rondônia morre após 3 semanas internado

O corpo será cremado em Cuiabá (MT) e as cinzas serão trazidas para Vilhena (RO), pela família

 

Morreu nessa terça-feira, 11 de agosto, o médico de Vilhena (RO), Luis Alberto Valdez Marquez, de 67 anos, em decorrência das complicações da Covid-19.

Ele estava internado em UTI do hospital São Mateus, em Cuiabá, desde o dia 24 de julho, com diagnóstico positivo para o novo coronavírus. Valdez fazia parte do grupo de risco, o que favoreceu a evolução a doença.

Nascido no Peru, ele era veterano profissional do Hospital Regional Adamastor Teixeira de Oliveira, em Vilhena, e atuava como endocrinologista e clínico geral.

O corpo será cremado em Cuiabá e as cinzas serão trazidas para Vilhena, pela família.

• Você viu também:

DIETA RESTRITIVA – Acadêmica de direito é encontrada sem vida pela mãe, em Rondônia

 

Fonte: Vilhena Notícias

Fotógrafo: Divulgação/Vilhena Notícias

Para entrar em nosso Grupo de Notícias do WhatsApp 
CLIQUE UM DOS GRUPOS